20 de julho de 2018

“Mídia e migrações: entre discursos e estereótipos” – Resenha n° 100 – 3° trimestre de 2015 – Tuíla Botega e Brenda Knutsen

A revolução tecnológica consequência da globalização no século 21, com o advento da internet e a ampliação da possibilidade de acesso individual à informação, é marcadamente uma característica da sociedade contemporânea. Inevitavelmente, essa realidade também faz parte do panorama das migrações internacionais e do cotidiano dos migrantes na atualidade.

De forma paradoxal, na relação entre migração e mídia, percebemos discursos em que se valoriza o encontro intercultural e, paralelamente, outros em que há a difusão e a reprodução de estereótipos e abordagens xenófobas e criminalizadoras da migração e dos migrantes.

DOWNLOAD ARTIGO
DOWNLOAD ARTIGO