Apresentação do Livro: Bíblia e migração. Experiência humana e salvífica.

ouça em: https://spotifyanchor-web.app.link/e/KjnRatByhsb

Os migrantes, ao atravessar as fronteiras, chegam às “nossas portas” e fazem sentir a gravidade da sua vulnerabilidade, despertando em nós, com o seu “grito de dor”, o compromisso éticosocial e religioso-moral para com a vida ameaçada, estimulando as comunidades a procurarem, na Palavra de Deus, alicerce e motivação para uma resposta sócio pastoral a favor dos migrantes. No contexto da mobilidade humana, a Bíblia se revela como uma fonte extremamente rica de inspiração sobre os vários motivos relacionados com a migração voluntária ou forçada. A transumância para salvar a própria vida deve-se a diversos fatores: seca, fome, perseguições etc. Ao lado desses, a instituição de cidades de refúgio, o êxodo de povos, as transmigrações dos pastores, a hospitalidade, a saída, a viagem, a peregrinação, a chegada, o encontro, o estranho, o diferente, o acolhimento, a valorização da diversidade, as fronteiras, o protagonismo dos migrantes e tantos outros são motivos ligados ao campo semântico da migração, muito presentes na Bíblia.

E-book disponível no link:

https://www.csem.org.br/wp-content/uploads/2022/03/Ebook_Biblia_e_MIGRACAO_2022_FINAL_.pdf