Nossas redes sociais

Os Atingidos por Barragem: Refugiados de uma guerra desconhecida

Renata da Silva Nobrega

Em todo o mundo, os chamados “projetos de desenvolvimento”, como estradas, ferrovias e barragens, são responsáveis pelo deslocamento compulsório e pelo empobrecimento de milhões de pessoas, a despeito das promessas de “progresso” que justificam a execução de tais obras. As vítimas desta “guerra desconhecida” têm sido chamadas de “refugiados do desenvolvimento”, numa elaboração política e teórica que busca visibilizar o sofrimento vivido por estas pessoas, bem como buscar os devidos meios de reparação dos danos causados. Dentre os “refugiados do desenvolvimento”, destacam-se os “atingidos por barragem”, situação vivenciada por cerca de quarenta a oitenta milhões de pessoas e foco deste artigo, que se pauta na violência como dimensão central para a compreensão dos deslocamentos compulsórios provocados pelas barragens.
Palavras-chave: Refugiados do desenvolvimento; Atingidos por barragem; Violência

Pular para o conteúdo