A- A A+

"Violação do direito de asilo": ONGs denunciam acordo migratório UE-Turquia

A Comissão Europeia responde às ameaças da Turquia, ao afirmar que não há alternativa ao acordo migratório assinado com Ancara para pôr fim à crise dos refugiados.

Mas, um ano após a entrada em vigor do entendimento, várias organizações não governamentais como a Oxfam, denunciam um “exemplo perigoso” em termos humanitários e de respeito pelo direito ao asilo.

Num relatório, apresentado hoje, as ONGs condenam a degradação das condições de vida nos campos gregos, onde se acumulam atualmente até 60 mil pessoas.

Entre os mais vulneráveis, encontram-se mulheres e crianças, com vários casos de abuso e de suicídio ou de problemas mentais.

Se o acordo permitiu reter a vaga de refugiados através da chamada rota dos balcãs, medidas como a deportação imediata para a Turquia continuam a infringir as regras de asilo, segundo as ONGs.

O relatório alerta os responsáveis europeus para que não tentem exportar a solução, num momento em que Berlim aspira a reeditar o acordo com países como o Egito ou a Tunísia.

A publicação do relatório ocorre um dia após a visita do Comissário Europeu para a migração à ilha grega de Lesbos.

Dimitris Avramopoulos defendeu a importância do acordo com a Turquia, apelando aos países da UE a respeitarem o compromisso de acolher 160 mil refugiados de Itália e Grécia.

Segundo a Organização Internacional para as Migrações, apenas 10 mil refugiados foram até agora deslocados da Grécia para outros estados membros da UE.

Fonte: EuroNews

COMPARTILHE
NOTÍCIAS

Brasileira que foi empregada quando criança lidera empresa social em Londres

COMPARTILHE

 O trabalho de Rosa Gonçalves como empregada doméstica em Santos (SP) no fim dos anos 70 era embalado pelos hits que saíam de um radinho de pilha, apoiado na janela da cozinha.

Leia mais...

Agência da ONU para refugiados pede ‘solução duradoura’ para travessia do Mediterrâneo

COMPARTILHE

 Na última sexta-feira (11), o ACNUR destacou a necessidade de se encontrar “soluções duradouras” para os refugiados que se deslocam pelo mar Mediterrâneo. “O Mediterrâneo é uma das mais movimentas vias marinhas do mundo, assim como uma das mais perigosas fronteiras para aqueles em busca de asilo na Europa”, disse Melissa Fleming, porta-voz do ACNUR, a jornalistas em Genebra.

Leia mais...
BIBLIOTECA

biblioteca

O CSEM possui uma biblioteca especializada em migrações abrangendo em seu acervo aproximadamente 3 mil livros, periódicos e revistas científicas de vários países. 

Para consultar nossa biblioteca online visite o site da biblioteca e pesquise em nosso acervo.Horário de funcionamento: segunda a sexta-feira, das 9h às 17h


Centro Scalabriniano de Estudos Migratórios - CSEM
SRTV/N Edificio Brasília Radio Center
Conj. P - Qd. 702 - Sobrelojas 01/02
CEP: 70719-900 - Brasília - DF / Brasil
Tel/Fax: +55 (61) 3327 0669
O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

twitter   facebook