A- A A+

Número de refugiados norte-coreanos na Coreia do Sul passa de 30 mil

Sete desertores chegaram ao Sul de um terceiro país na sexta-feira (11). Seul atribui aumento à gestão de Kim Jong-un e endurecimento de sanções.

O número de refugiados norte-coreanos na Coreia do Sul chegou a 30 mil, depois que sete desertores do país vizinho chegaram ao Sul desde um terceiro país na sexta-feira (11), informou neste domingo (13) o Ministério da Unificação de Seul.

O total de pessoas norte-coreanas amparadas no Sul é até agora de 30.005 - o número ultrapassou os 10 mil em fevereiro de 2006 e os 20 mil em novembro de 2010 -, segundo números ministeriais divulgados pela agência local Yonhap.

Nos primeiros dez meses deste ano, 1.155 norte-coreanos entraram na Coreia do Sul, o que representa um aumento de 18% anual.

Seul atribuiu o crescimento à gestão do líder norte-coreano, Kim Jong-un, e ao endurecimento das sanções a Pyongyang por parte da comunidade internacional, por causa dos testes nucleares e de mísseis conduzidos pelo regime comunista neste ano.

O Ministério da Unificação destacou o aumento das deserções de alto nível, como a fuga do "número dois" da embaixada da Coreia do Norte em Londres, Thae Yong-ho, em meados de agosto.

Os dados mostraram que 71% dos refugiados no Sul são mulheres, e que 58% de indivíduos contavam com idades compreendidas entre 20 e 30 no momento da fuga, detalhou "Yonhap".

O número anual de desertores aumentou continuamente desde os 1.384 em 2005 até os 2.914 em 2009, mas caiu entre 2011 e 2015 devido ao aumento do controle norte-coreano na fronteira e ao endurecimento do castigo às pessoas capturadas enquanto tentam fugir, segundo os dados do Ministério.

Fonte:  G1 13/11/2016

COMPARTILHE
NOTÍCIAS

Human traffickers exploit EU migrant crisis to increase child smuggling – EU report

COMPARTILHE

 “It’s morally and legally unacceptable that in today’s Europe there are women, men, boys and girls who are bought, sold and exploited like commodities. It’s our personal, collective and legal duty to put an end to this,” Avramopoulos said as he presented the Report on progress made in the fight against trafficking in human beings in Brussels.

Leia mais...

Un reporte revela abusos sexuales generalizados en centros de detención de migrantes

COMPARTILHE

Una reciente queja a nivel federal por abuso civil interpuesta por la organización Iniciativas Comunitarias para los Migrantes en Confinamiento (CIVIC, por sus siglas en inglés) evidencia una sucesión de abusos sexuales adjudicada al Departamento de Seguridad Interior (DHS, por sus siglas en inglés) de EU. Sin embargo, es un tema que al parecer tiene sin cuidado a la administración Trump.

Leia mais...
BIBLIOTECA

biblioteca

O CSEM possui uma biblioteca especializada em migrações abrangendo em seu acervo aproximadamente 3 mil livros, periódicos e revistas científicas de vários países. 

Para consultar nossa biblioteca online visite o site da biblioteca e pesquise em nosso acervo.Horário de funcionamento: segunda a sexta-feira, das 9h às 17h


Centro Scalabriniano de Estudos Migratórios - CSEM
SRTV/N Edificio Brasília Radio Center
Conj. P - Qd. 702 - Sobrelojas 01/02
CEP: 70719-900 - Brasília - DF / Brasil
Tel/Fax: +55 (61) 3327 0669
O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

twitter   facebook